Neste blog

3 de jun de 2012

Suave


Suave

Suave é teu sabor
Que invade meu pensar
e me queima o calor
De um tentar quase beijar!

Suave é teu gritar
que inunda meu sentir
e me deixa sem calar
De um tentar quase sorrir!

Teu riso é em mim, suave.
Te sou por ti completa
E antes que de mim escape
Me dê seu amor e me desperta!

Regina Célia Costa, 02/06/12 às 21:40, OAB - durante X Concurso de Poesias dos Poetas do Vale.